terça-feira, 26 de abril de 2011

O Conto do Desencontro

Era um conto de desencontro. De acaso que virou descaso. Típica história de pessoas que se cruzam, mas não se entrelaçam. Romance inventado, amor iludido. Ele não tinha a cabeça no lugar, ela tinha o coração na boca. E por contradição “da anatomia” de ambos, deu-se o fim.

7 comentários:

  1. Adorei, super sensível, inteligente.

    Ótimo final de semana, beijos !!

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Queria sentir esse conto na sensibilidade do imaginável,na pele dói demais e causa insônia...beijos.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom...


    www.planetdaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Muito lindo! Parece uma poesia em versos!

    ResponderExcluir